quinta-feira, 28 de maio de 2015

Senador Garibaldi quer que o Governo Federal bote a transposição prá frente.

O senador Garibaldi Filho defendeu a necessidade de o governo federal não diminuir o ritmo das obras de transposição do Rio São Francisco. Ele fez a intervenção, no Plenário do Senado, em aparte ao senador baiano Otto Alencar, que defendia a tese de que se não for feita uma revitalização do rio, “o governo federal vai jogar no ralo mais de R$ 8 bilhões numa transposição, sendo que não haverá água”.

O também baiano senador Walter Pinheiro, antes de Garibaldi se pronunciar, havia sugerido interromper as obras da transposição. “O ideal seria remanejar os recursos da transposição para, imediatamente, esse processo de revitalização, invertendo a lógica”, declarou. Ele argumentou que não há como transpor a água de um lugar para o outro se não há água.


“Há, da nossa parte, da parte dos estados receptores, uma preocupação muito grande, porque as chances para o El Niño voltar neste verão estão próximas a 100%, com simulações sugerindo que, até dezembro próximo, haveria possibilidade de exceder o evento devastador de 1997 e 1998”, advertiu Garibaldi Filho.


O senador potiguar informou que o eixo norte da transposição, que tem 402 km de extensão, já está com 76% das obras executadas. O eixo leste, com 220 km de comprimento, está finalizado em 72,4%. Garibaldi Filho concordou com a preocupação dos baianos em revitalizar o rio. “Mas gostaria de manifestar a nossa preocupação de que as obras da transposição, que são absolutamente fundamentais para a segurança hídrica do Nordeste semiárido, não sofram nenhuma desaceleração”, ponderou. [Roberto Homem/Assessoria de Imprensa]


--
Postado por AssessoRN - Jornalista Bosco Araújo no AssessoRN.com em 5/28/2015 07:00:00 PM

Nenhum comentário:

Postar um comentário